Sugestões para uma vida prática

76. Do limão, faça uma limonada. O vinho que estragou por causa de uma rolha ruim ou simplesmente virou vinagre pode ser usado para cozinhar. Basta que ele seja fervido. O calor mata os microrganismos que causam o odor e sabor desagradáveis.

77. Limpe o armário, a garagem, o porão. Sempre se encontram coisas inúteis para jogar fora e, eventualmente, exorcizar o passado. Ou coisas boas que merecem ser consertadas, o que pode ser divertido.

78. Diminua o tempo em frente à TV. O brasileiro assiste diariamente a três horas de televisão. Experimente reduzir uma hora desse tempo. Ao fim de um ano, terá ganho bons momentos para outras atividades.

79. Estabeleça um prêmio qualquer: um relógio, uma garrafa de vinho raro, um vestido. Agora estabeleça uma meta: parar de fumar, emagrecer 10 quilos, ser promovido no emprego. Quando atingir o resultado, conceda-se o prêmio.

80. Saiba economizar para um grande sonho. Se deixar de comer fora uma noite por semana, economizará cerca de R$ 2.600 ao ano. Descubra os dias de semana em que o salão de beleza oferece desconto, confira as ofertas dos supermercados, troque o táxi pelo ônibus e vá ao teatro e ao cinema nos dias promocionais. Pequenas economias fazem muita diferença.

81. Viaje a dois, saia para jantar, namore. Não adianta culpar a
rotina corrida pela infelicidade do casal. Abra espaço para o romance.

82. Na noite anterior, separe a roupa que vai usar no dia seguinte para trabalhar. Você ganha tempo, escolhe melhor e não fica estressada logo cedo pensando no que vestir.

83. Deixe o creme anti-rugas na cabeceira da cama. Assim, você não fica sem usar mesmo se der sono ou ficar com preguiça de levantar.

84. Não se acostume às cifras vermelhas. Liberte-se das dívidas. Quem se acostuma com o extrato negativo acaba tocando a vida financeira do mesmo jeito, sem jamais conseguir sair do turbilhão.

85. Se tem dois ou mais filhos, pense em ficar sócio de um clube. Sai mais barato que pagar academias de futebol, natação, balé e judô e você não vira motorista tendo de levá-los para cima e para baixo.

86. Estude algum tema que não conhece bem - gastronomia, filosofia, religião ou física - em cursos breves ou livros. Buscar conhecimentos em área totalmente diferente do trabalho e do ambiente em que se vive abre a mente e estimula a criatividade.

87. Assine a newsletter dos jornais brasileiros e internacionais que lhe interessam. Você receberá por e-mail um resumo das principais notícias e poderá escolher o que ler.

88. Use o bloqueio e antivírus de e-mail. Você economiza tempo não precisando apagar mensagens indesejadas, nem deixa de receber informações importantes por ter a caixa de entrada lotada.

89. Explore seu celular e economize. Mensagens de texto são mais baratas que ligações telefônicas. Se o recado for breve, esse é o melhor recurso.

90. Se estiver endividado, reduza seu padrão de vida. Diga a si mesmo que não vai ser sempre assim, mas nessa fase o assunto em pauta é redução. Adie aquisições e renuncie a todo tipo de luxo.

91. Antes de comprar um imóvel, avalie se o bairro é perto de seu local de trabalho e da escola das crianças. Ponha na balança as horas que pode perder no trânsito e não se iluda achando possível evitar o horário do rush.

92. Coloque contas mensais, como as de luz, gás, lixo, condomínio e telefone, no débito automático. Economistas calculam que essa medida economiza duas horas por mês - tempo suficiente para pegar um cineminha ou relaxar numa rede.

93. Faça algo que nunca fez antes: comer peixe cru ou comida tailandesa; ir a uma ópera ou um bingo; saltar de pára-quedas ou fazer rapel. Adote o hábito de fazer periodicamente algo inédito.

94. Quando você compra um computador ou rádio-relógio, recebe um manual. Por que não fazer um manual de sua casa? Assim, quando você for viajar e sua casa ficar sob o comando da sogra, seu celular não vai tocar para você responder a perguntas como onde está a caneleira do filho, o batom da filha e a ração do cão.

95. Desacelere. 'Inclua em seu planejamento diário e semanal 'janelas' em que possa viver sem o relógio', ensina o professor alemão Lothar Seiwert, autor de Se Tiver Pressa, Ande Devagar, best-seller na Europa, recém-lançado no Brasil.

96. Respeite seu relógio biológico. Se o trabalho rende melhor na parte da manhã e você se sente mais disposta para malhar à noite, não faça o contrário.

97. Marque o primeiro horário no salão de beleza e no dentista. Aumenta as chances de você ser atendido pontualmente.

98. Limite suas opções. Quando você for comprar um DVD ou escolher uma academia, procure dois ou três nomes. A mente pode organizar e priorizar apenas certa quantidade de dados.

99. Cuidado com o excesso de informação. 'A questão já não é escolher entre aquilo que é bom ou ruim. Mas conseguir selecionar algo interessante sem sentir culpa por estar deixando muita coisa de fora', ensina o psicólogo espanhol Juan Pozo, autor de Aquisição do Conhecimento.

100. Aproveite os recursos de seu e-mail, como o calendário e a agenda de tarefas. Avisos automáticos para compromissos podem aparecer na tela de seu computador alguns minutos antes do horário marcado.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas